Terra do sol nascente e um arquipélago com mais de 6000 ilhas de extraordinária beleza, com suas montanhas e vulcões, os seus monumentos que são património mundial, como o castelo Himeji. O Japão tem uma rede de transportes excelente para o levar onde quiser. Um país seguro para caminhar e descobrir influências chinesas, indianas, americanas e até europeias. Com um avanço tecnológico invejável, com uma gastronomia onde os seus pratos são pura arte, com uma criatividade na mistura dos ingredientes, pois é o país do sushi, do saqué e do chá verde. A sua cultura influenciou o ocidente com as suas cores exuberantes nas pinturas, os bonsais e muito mais. Vale a pena visitar o país da origem do sol...

Japão - Pacotes de Viagens


Terra do sol nascente e um arquipélago com mais de 6000 ilhas de extraordinária beleza, com suas montanhas e vulcões, os seus monumentos que são património mundial, como o castelo Himeji. O Japão tem uma rede de transportes excelente para o levar onde quiser. Um país seguro para caminhar e descobrir influências chinesas, indianas, americanas e até europeias. Com um avanço tecnológico invejável, com uma gastronomia onde os seus pratos são pura arte, com uma criatividade na mistura dos ingredientes, pois é o país do sushi, do saqué e do chá verde. A sua cultura influenciou o ocidente com as suas cores exuberantes nas pinturas, os bonsais e muito mais. Vale a pena visitar o país da origem do sol...

Fuso horário: + 9horas

Compras: As compras são um prazer no Japão. O Japão oferece uma grande variedade de opções aos clientes, desde artigos tradicionais a produtos ultramodernos. Estrangeiros podem comprar artigos isentos de impostos, abrangendo itens populares como máquinas fotográficas, aparelhos ópticos, rádios, aparelhos eléctricos e pérolas.

População: 127,6 milhões

Capital: Tóquio

Governo: Estado unitário, Monarquia constitucional, Parlamentarismo
 

Idioma Oficial: Japonês
(É uma língua aglutinante e caracteriza-se por um sistema complexo de construções honoríficas, que reflectem a natureza hierárquica da sociedade japonesa, com formas verbais e vocabulários particulares que variam de acordo com o status relativo entre interlocutores. O repertório de fonemas da língua japonesa é relativamente pequeno, e tem diferenciação léxica baseada em um sistema de pitch accent)

Moeda: O dinheiro nacional é o iene (¥).
Moedas estrangeiras são aceitas apenas em um número limitado de hotéis, restaurantes e lojas de souvenir. Circulam moedas de 1, 5, 10, 50, 100 e 500 e cédulas de 1.000, 2.000, 5.000 e 10.000 ienes. As moedas mais usadas são as de 10, 50 e 100 ienes. As de 10 ienes servem de ficha telefónica para aparelhos públicos, para uma ligação de 3 minutos. As moedas de 50 e 100 ienes são usadas em transportes publicos, máquinas de cigarros, bebidas não-alcoólicas, etc. Pode-se cambiar ienes em bancos, nas agências de câmbio e outros locais autorizados.
Os balcões de câmbio nos aeroportos internacionais de Tóquio e Osaka ficam abertos durante o horário normal de expediente. A taxa de câmbio varia diariamente.
Cheque viagem e cartões de crédito Traveler's cheques são aceitos pelos bancos, hotéis, ryokans e lojas das grandes cidades. Cartões de crédito internacionais como American Express, VISA, Diners e MasterCard são também aceitos na maioria dos estabelecimentos. A gorjeta não é praticada no Japão.

O que comer: Os paladares ocidentais estão familiarizados com sushis e sashimis, baseados em cortes de peixe crú. No entanto, existe uma infinidade de bons pratos e restaurantes, para todos os tipos de paladares. Para os que não curtem muito a gastronomia japonesa, saiba que aqui encontram-se algumas das melhores casas de cozinha francesa e italiana do mundo, com chefs, sommeliers e patissers premiados. Pães e chocolates locais certamente o surpreenderão. Para os que estão com o orçamento curto, redes de fast-food são facilmente encontráveis até em pequenas cidades.
Para foodies e gulosos, o Japão oferece uma miríade de pratos regionais. Muitos têm origem chinesa como os conhecidos yakisoba (macarrão frito), guioza (um pastelinho grelhado, cozido ou frito) e chahan (arroz primavera). Experimente especialidades locais como o okinawa steak (uma delicada carne grelhada), o fugu (sashimi de baiacu, um peixe venenoso), os sorvetes de Hokkaido (onde há excelentes frutas e leite), a enguia de Yanagawa ou os diferentes tipos de macarrão: bifun, udon, soba e lamen (os de Hakata e Sapporo, de porco e pasta de soja, são os melhores).

Clima: O inverno (de Dezembro a Marco), esta é a quintessência da arte de hospedar no Japão, com refeições muito elaboradas, banhos relaxantes e quartos bem decorados. O período entre o fim de Março e o começo de Maio (com pico nas primeiras semanas de Abril) é a época da floração das cerejeiras.
Há muitas festas nas ruas, com executivos e estudantes enchendo os parques para fazer piqueniques depois do expediente. O verão (Junho a Agosto) costuma ser muito quente e chove bastante. Em termos de clima, é mau, mas é exactamente nesta época que os principais festivais do país ocorrem, como o Gion Matsuri (Quito), Nebuta (Aomori), Grande Festival de Fogos de Nagaoka (Niigata), Hakata Gion Yamakasa (Fukuoka) e Kanto Matsuri (Akita). As escaladas ao Monte Fuji e nos Alpes Japoneses também estão bastante concorridas nestes meses. O outono é muito agradável, principalmente em Novembro, quando bosques e jardins ganham tons de vermelho, amarelo e laranja. Alguns dos melhores locais para apreciar a paisagem do período são templos, castelos e parques em Kanazawa, Kyoto, Nikko, Takayama e nas províncias de Nagano, Yamagata, Fukushima e Miyagi.

Principais Cidades: Tóquio, Fukuola, Hiroshima, Kobe, Quioto, Nagasaki, Nagoya, Osaka, Sapporo, Sendai e Yokohama

Vacinação: Não é obrigatório nenhuma vacina. São recomendadas as do Tétano, difteria, pertússis e tríplice viral

Gorjetas: Não existe gorjeta em qualquer que seja a situação no Japão - táxis, restaurantes, serviços pessoais...

Internet: O acesso á internet no Japão é muito fácil, nomeadamente muitos hotéis têm o wifi, bem como nos aeroportos.