Rússia, oficialmente Federação Russa ou Federação da Rússia, é um país localizado no norte da Eurásia. Com 17 075 400 de quilómetros quadrados, a Rússia é o país com maior área do planeta, cobrindo mais de um nono da área terrestre.

Partir à descoberta da Rússia é entrar numa cultura, costumes e histórias que marcaram a actual civilização. Cidade como Moscovo e São Petersburgo estão entre as mais belas do mundo, onde monumentos como o Kremlin e suas Catedrais, as estações do Metro, o Mosteiro de Novodevichy, o Teatro Bolshoi em Moscovo, ou em São Petersburgo o Museu Hermitage, o bairro Dostoiévski, o Palácio de Peterhof… Sem dúvida uma viagem obrigatória!

Rússia - Pacotes de Viagens


Capitais da Rússia 3*
DESDE959€

Capitais da Rússia 3*

Moscovo&S. Petersburgo - 4ª-feira, Julho e Agosto
Capitais da Rússia 4*
DESDE967€

Capitais da Rússia 4*

Moscovo & São Petersburgo - 4ª-feira: 10 Jul a 30 Out / Dom: 07 Jul a 01 Set
Capitais da Rússia 3*
DESDE1124€

Capitais da Rússia 3*

São Petersburgo & Moscovo - Dom, Julho e Agosto

Moscovo

A capital da Rússia é actualmente uma das maiores cidades da Europa preservando as suas antigas estruturas.
O Kremlin (e a sua Praça Vermelha de Moscovo), foi centro religioso e residência da nobreza moscovita. Com uma extensão de 28 ha, com 5 portas e 29 torres, que guardam o seu recinto triangular, compreende diversos monumentos de valor universal localizados na Praça das Catedrais. Entre os numerosos museus destaca-se o Palácio das Armaduras, com magníficas colecções históricas. A Praça Vermelha com 75 000m2 é o centro nevrálgico da cidade. É dominado pela Catedral de São Basílio (século XVI), célebre pelas suas coloridas cúpulas em forma de bolbo.
Passeie pelas margens do rio Moskva e Parque Gorki; visite a Catedral da Assunção; o Grande Palácio do Kremlin; a famosa Praça Vermelha; a Catedral de S. Basílio; Catedral da Anunciação ou a Catedral Kazan.
Visite alguns dos principais museus, nomeadamente: o Museu Andrei Rublev (arte russa antiga); Casa-Museu Pushkin; Museu Vladimir Mayakovsky; Museu dos Cosmonautas; Museu Nacional da História.

São Petersburgo

A cidade de São Petersburgo, caracterizada pelos seus canais e mais de 400 pontes, é fruto da iniciativa do czar Pedro I. Ao longo das suas ruas sucedem-se monumentos de estilos barroco e neoclássico, entre os quais se destacam o Museu do Hermitage (colecções de arte do século XIII a XVIII), e os palácios de Inverno, de Mármore, do Almirantado e a Catedral de Kazanskii Sobor.
 
Igreja de São Salvador do Sangue Derramado

A Igreja de São Salvador, também chamada de Igreja do Sangue Derramado é uma das construções mais incríveis de todo o país.

Palácio de Santa Catarina (século XVIII)

Situado a 32km de São Petersburgo o Palácio de Catarina II é uma imponente obra arquitectónica e histórica.
 

Capital: Moscovo  

Moeda: Rublo (RUB)

Visto: À entrada no território russo é obrigatório o preenchimento de formulário de imigração, habitualmente fornecido pelas companhias aéreas durante o voo para a Rússia, e a sua entrega às autoridades de fronteira. O duplicado do formulário deverá ser conservado e devolvido àquelas autoridades à saída da Rússia.
Para viajar para a Rússia é necessária a obtenção, em tempo útil, de um visto junto dos Postos Consulares russos em Portugal, o passaporte ser válido pelo menos para os seis meses seguintes após a data prevista do regresso da Rússia. Não é possível obter um visto à chegada.

Rússia é um país localizado no norte da Eurásia. Com 17 075 400 de quilómetros quadrados, a Rússia é o país com maior área do planeta, cobrindo mais de um nono da área terrestre. É também o nono país mais populoso, com 142 milhões de habitantes. Faz fronteira com os seguintes países, de noroeste para sudeste: Noruega, Finlândia, Estónia, Letónia, Lituânia e Polónia (ambas através do enclave de Kaliningrado), Bielorrússia, Ucrânia, Geórgia, Azerbaijão, Cazaquistão, China, Mongólia e Coreia do Norte. Também tem fronteiras marítimas com o Japão, pelo Mar de Okhotsk, e com os Estados Unidos, pelo Estreito de Bering.
De norte a sul, a planície europeia oriental é revestida maioritariamente pela tundra, florestas de coníferas, pastagens e regiões áridas (no mar Cáspio), enquanto as mudanças na vegetação reflectem as mudanças no clima. A Sibéria suporta uma sequência semelhante, mas coberta em sua maior parte pela taiga. O país possui 41 parques nacionais, 101 reservas biológicas e 40 reservas da biosfera da UNESCO. A Rússia tem as maiores reservas florestais do mundo, conhecidas como “os pulmões da Europa”, perdendo apenas para a Floresta Amazónica, no montante de dióxido de carbono que absorve.